terça-feira, 15 de setembro de 2015

Novos motivos de visita








Ruivães tem a partir deste Verão ainda mais motivos de visita. Ou melhor, esta bela terra está ainda mais apelativa desde que novas valências estão ao dispor de quem nos visita.
No final de Julho a aldeia de Espindo viu de uma assentada a inauguração de três espaços bem recuperados. Num sábado de manhã descerrou-se a placa comemorativa das obras de beneficiação do Cemitério de Espindo, da nova sede do concelho de Baldios e da recém-criada Associação Juntos por Espindo nas antigas instalações da Escola Primária e do Polo Interpretativo do Lobo. Espindo, que desde há vários anos tem tido obras de reabilitação que têm atraído muita gente, desde meros visitantes a novos moradores e habitantes de fim-de-semana, passa a ter mais motivos de visita e diversifica a oferta de ocupação de tempos livres aos seus habitantes e visitantes. 
Sem inauguração formal, a Zona de Lazer do Poço das Traves, recém-qualificada junto à Ponte de Ruivães, trouxe de volta muitos ruivanenses que há muito tempo lá não iam. Com a reabilitação do lagar de azeite e dos moinhos antigos, um dos quais transformado em churrasqueira, o Poço das Traves onde muitos ruivanenses aprenderam a nadar ganhou nova vida e, fruto da era tecnológica em que vivemos e que nos permite instantaneamente partilhar os bons momentos com o mundo inteiro, tem já atraído forasteiros que ali pretendem banhar-se e abrigar-se do sol e calor de Verão. 
Já nos finais de Agosto, foi inaugurada a estrada que liga Serradela a Zebral. Há muito que os habitantes da parte alta da freguesia e de Campos almejavam a pavimentação desta via. Ela permitir poupar uns quantos quilómetros até Vieira do Minho e além disso permite que os vieirenses e turistas, possam passear pelo alto da Serra da Cabreira.


Retirado d' O Jornal de Vieira nº 999 de 15 de Setembro de 2015.

Nenhum comentário: