Festas de Ruivães: Banda de Música (concerto)








Comentários

Anónimo disse…
As festas populares são isto mesmo que o blogue tão bem patenteia:
- um dar de mãos entre o sagrado e o profano, daqui resultando que a Fé e a vida não são antagónicas, mas antes se completam e mutuamente se engrandecem.
A vida sem Fé é vazia e perde o sentido da dimensão espiritual do homem; mas a Fé não significa um alhear das realidades temporais, que também fazem parte da vida humana.
Parabéns pelo êxito das festas e muito obrigado pela excelente "reportagem" que o blogue nos oferece.
Ruivanense Adoptivo