“Honra Presidencial a uma ruivanense”










No dia 1 de Fevereiro, S. Exª. o Sr. Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa, numa das suas acções de comunicação com o seu povo, deslocou-se pelo centro da capital, mais exactamente pela Rua Augusta. 
Assim, demonstrando mais uma vez a sua extraordinária cumplicidade com o povo, cumprimentou quem com ele se cruzava, nacionais ou estrangeiros, distribuindo abraços, beijinhos e sorrisos. 
Apreciou a degradação dos inúmeros prédios pombalinos, devolutos, que dão um triste cenário à mais movimentada rua da capital, os quais se estão a transformar num grande agregado de hotéis aguardando apenas a morte de alguns residentes na sua maioria idosos. 
A esse propósito, possivelmente, foi informado da persistência de alguns (poucos) moradores dessa rua, fazendo desde logo questão de visitar quatro deles em suas casas.
Eis senão, que entre eles surge uma simpática senhora que lhe abriu a porta de sua casa, travando de imediato com ele uma agradável conversa. 
Essa senhora, mora ali desde a década de sessenta, e eu o confirmo porque me lembra bem quando aos doze anos fui para a capital e ali a fui encontrar. 
Falou com o Sr. Presidente com tal desenvoltura, apesar dos seus 84 anos, e dele recebeu um terno beijinho como se pode observar no recorte do Correio da Manhã de 02.02.2017, aqui anexo. 
A simpática senhora, é a nossa conterrânea Clara do “Bicho”, natural de Vale, Ruivães. 
Para além da noticia no Correio da Manhã, também pelo menos na TVI passou o diálogo entre eles. 
São assim os nossos idosos, a encher-nos de orgulho mais ainda quando como neste caso são também nossos conterrâneos.
Manuel Joaquim F. Barros
2017-02-27




Comentários